• Início
  • Bolsas de Iniciação à Investigação e Desenvolvimento

Bolsas de Iniciação à Investigação e Desenvolvimento

(PADDIC) 2015 – 2016

A Universidade Lusófona, a ALIES (Associação Lusófona para o Desenvolvimento do Ensino e Investigação em Saúde) e o CBIOS (Centro de Investigação em Ciências e Tecnologias da Saúde) abrem concurso para a atribuição de duas (2) Bolsas de Projecto inseridas nas unidades curriculares de Projecto da ECTS, parte do PADDIC – Programa de apoio ao desenvolvimento e divulgação da investigação científica.

Área científica
Todas as áreas de investigação da CBios com projectos aprovados.

Duração e regime da actividade

As bolsas de investigação terão a duração de um ano, com início previsto para 1 de Janeiro de 2016.

Local do trabalho

CBIOS

Escola de Ciências e Tecnologias da Saúde (Universidade Lusófona)

Av. do Campo Grande, 376
1749 – 024 Lisboa

Portugal


Objecto da actividade

A BIID tem como propósito principal contribuir para o desenvolvimento da cultura científica da Universidade Lusófona e da ECTS em particular, na área da saúde, através da dinamização das unidades afectas ao CBIOS, promovendo a investigação transversal a várias unidades de investigação, nos domínios das suas competências.

Os bolseiros serão integrados na equipa de investigação, tendo, genericamente, as seguintes tarefas a seu cargo:

  1. Pesquisa, recolha sistemática, classificação e cruzamento de informação relativos ao tema de investigação.
  2. Trabalho laboratorial. Esta bolsa pressupõe regime de prestação parcial que não deve ser inferior às 20H / semana (correspondente a 11 meses de trabalho efectivo, descontando o correspondente a 30 dias de férias)
  3. Divulgação do trabalho desenvolvido em reuniões científicas nacionais e internacionais.
  4. Participação na redacção e submissão de artigos, revisões e/ou relatórios de natureza científica, a revistas de divulgação científica (nacionais e internacionais).
  5. Elaboração de relatórios semestrais anexados ao parecer(s) do (s) orientador (s).

O não cumprimento dos objetivos supra pode determinar a suspensão (temporária ou definitiva) da bolsa.


Retribuição

A Bolsa é concedida sob a forma pecuniária.

No primeiro ano, o desempenho do bolseiro e os resultados deverão ser avaliados trimestralmente pela Direcção do CBIOS em colaboração com o orientador responsável pelo projecto a que se encontra afecto.


Formação requerida

É requisito mínimo o grau de Mestre (Mestrado Integrado ou 2º Ciclo) na área das ciências da saúde e afins.

Para efeitos de seriação dos candidatos serão valorizados:

  • Aluno de programa de doutoramento do Grupo Lusófona (ou outro não subsidiado pela FCT)
  • Bolseiros BIID do 1º ano, desde que devidamente patrocinados pelo respectivo orientador.
  • Ex-aluno do Grupo Lusófona – ECTS / ERISA ou outras instituições do grupo, por esta ordem.
  • Currículo científico.
  • Experiência pedagógica e profissional nos domínios das ciências da saúde.
  • Entrevista (se considerada relevante)

Documentos de suporte da candidatura

  1. Curriculum Vitae do/a candidato/a, evidenciando a formação académica com as respectivas classificações, bem como as competências relacionadas com o perfil de funções definido no presente anúncio, o endereço e outros meios de contacto. As habilitações indicadas no CV deverão ser certificadas através da apresentação de originais ou cópias autenticadas na entrevista.
  2. Carta de motivação dando conta da adequação do/a candidato/a ao perfil requerido.
  3. Outra documentação que o/a candidato/a considere relevante para a apreciação da candidatura.
  4. Declaração de actividade profissional actualizada.

Envio da documentação

As candidaturas deverão ser enviadas por correio ou entregues pessoalmente em:

Universidade Lusófona
FCTS – Bolsas de Projecto CBIOS
Av. do Campo Grande, 376
1749 – 024 Lisboa
Portugal


Prazo de recepção de candidaturas

Encerramento das candidaturas: 21 de Dezembro de 2015 (data limite da expedição de correio).


Júri de seriação

O júri é composto pela Direcção do CBIOS, presidido pelo Prof. Doutor Luis Monteiro Rodrigues


Forma de publicação / notificação dos resultados

Os resultados finais da avaliação serão publicados através da lista ordenada por ordem de classificação, em http:/cbios.ulusofona.pt, sendo os candidatos aprovados notificados através de correio electrónico.

Para mais esclarecimentos e informações adicionais contactar o Secretariado da ECTS.